Energia cara

Por Lauro Jardim Da Veja De acordo com o Operador Nacional do sistema Elétrico, ONS, os custos da energia no mercado de curto prazo (spot)…
Custo de ligação entre celulares terá redução

Custo de ligação entre celulares terá redução

A norma que permitirá a redução em 90% do custo de interconexão entre os celulares até 2019 foi publicada na sexta-feira, 04, pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Essa tarifa de interconexão é o valor cobrado pelas operadoras de telefonia celular pelo uso de sua rede por companhias concorrentes. LEIA MAIS

Preço de imóvel sobe mais que a renda

Preço de imóvel sobe mais que a renda

O preço dos imóveis residenciais subiu tanto, que nem o crescimento da renda dos brasileiros e a melhora nas taxas e nos prazos do financiamento nos últimos anos foram suficientes para evitar a deterioração do poder de compra dos consumidores. Na prática, comprar um imóvel ficou mais difícil, como mostra pesquisa da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli/USP) elaborada a pedido do ‘Broadcast’, serviço em tempo real da ‘Agência Estado’.

Com reajustes de 2014, preço da luz fica 24% acima do de 2012

Com reajustes de 2014, preço da luz fica 24% acima do de 2012

O resultado dos esforços do governo para reduzir os preços de energia elétrica para a indústria durou pouco mais de um ano.
Cerca de 99% das empresas do setor pagarão mais pela eletricidade neste ano do que em 2012 -quando foi promulgada a MP 579 a fim de diminuir os preços-, mostra levantamento da Comerc Energia, feito a pedido da Folha.

Governo autoriza Caixa a reajustar preços de loterias

Governo autoriza Caixa a reajustar preços de loterias

A Caixa Econômica Federal deve aumentar os preços das apostas das loterias Mega-Sena, Lotofácil e Quina a partir de maio. A autorização para o ajuste foi dada pela Secretaria de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda em portaria publicada hoje no Diário Oficial da União.

Energia ficará mais cara para 24 milhões de clientes

Energia ficará mais cara para 24 milhões de clientes

A conta de luz de cerca de 24 milhões de unidades consumidoras de nove distribuidoras do Sul, Sudeste, Nordeste e Centro-Oeste ficará mais cara a partir deste mês. Os aumentos variam de 11,16% a 28,99% para residências e foram fortemente influenciados pelo alto custo da compra de energia, devido ao uso das térmicas e aos preços do mercado de curto prazo.

Page 1 of 10